SICTEG - Semana Integrada de Ciência e Tecnologia de Gurupi, IV SICTEG - Semana Integrada de Ciência e Tecnologia de Gurupi

Tamanho da fonte: 
Avaliação da dinâmica do crescimento da variável dendrométrica altura em plantio de Eucalyptus spp. em Aliança – TO
Thiessa Tamilla de Carvalho Santana, Bruno Aurélio Campos Aguiar, Jade Ferreira Figueiredo, Marcos Vinicius Cardoso Silva, Maria Cristina Bueno Coelho

Última alteração: 2018-10-09

Resumo


Introdução: tendo vista a necessidade de se apurar os conhecimentos à cerca do desempenho e o comportamento silvicultural dos materiais genéticos que compõem os plantios no Tocantins. Objetivo: avaliar o crescimento em altura de materiais híbridos como o VM58 (Eucalyptus urophylla x Eucalyptus camaldulensis) e clones de GG100 (Eucalyptus urophylla x Eucalyptus grandis) e de plantio de sementes híbridas (E. urophylla x E. grandis) no município de Aliança - TO. Material e Métodos: realizou-se inventário florestal contínuo com parcelas retangulares de 27,5 x 28 m (770 m²) cada, distribuídas sistematicamente. Sendo avaliada a variável biométrica Altura total (Ht). A partir da obtenção das alturas totais, foi feito a distribuição de frequência onde os dados foram agrupados em intervalos de classes fixos para altura total (2 m) para posterior elaboração dos histogramas. Para análise de comparação de médias realizou-se análise de variância e, após a verificação das significâncias a 5% de probabilidade, calculou-se o teste Tukey de médias utilizando o programa estatístico Past3.  Resultados: com base no ganho em altura das árvores ao longo das duas idades avaliadas evidenciaram o desempenho superior do clone GG100 em comparação aos demais materiais genéticos avaliados neste experimento, apresentando maior incremento médio de 14,4 metros de altura aos 24 meses e 20,7 metros aos 89 meses de idade. Conclusão: Com base nesta avaliação, pode-se inferir que o clone GG100 é a espécie com melhor desempenho neste ambiente, até a idade de 89 meses. Este fator se deve a hibridação que reuniu características desejáveis tanto do Eucalyptus urophylla, quanto do Eucalyptus grandis, tornando o desenvolvimento deste material superior aos demais.


É necessário inscrever-se na conferência para visualizar os documentos.